Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Receba as nossas atualizações no seu e-mail.

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,71 3,71
EURO 4,36 4,36
LIBRA ES ... 4,97 4,97

Simone Santana destaca campanha contra a exploração sexual de crianças e adolescentes

A campanha “Mexa-se! A infância precisa da Rede de Proteção” foi tema de pronunciamento da deputada Simone Santana (PSB) durante a Reunião Plenária desta quinta (17). A iniciativa é da Rede de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes de Pernambuco, e será lançada nesta sexta (18), quando é comemorado o Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual. O projeto será lançado com uma caminhada, com saída no Parque 13 de Maio, no Centro do Recife, às 14h. Entre os dias 23 e 25 de maio serão realizados seminários sobre a temática no Recife e em Caruaru, no Agreste. A ação quer chamar a atenção para a necessidade de oferecer atendimento especializado às vítimas, de responsabilizar os agressores e de estimular denúncias. Simone Santana lembrou que o Disque 100 – que recebe informações sobre violações de direitos humanos – registrou mais de 9 mil casos de violência sexual contra menores em 2017. A deputada frisou que o dado muito provavelmente não representa o real número de casos no País, visto que esse tipo de crime nem sempre chega ao conhecimento das autoridades. “É importante que a comunidade esteja alerta”, frisou a socialista, lembrando que 95% dos casos são praticados por pessoas próximas às vítimas e em 65% das vezes existe participação de familiares. “Os agressores têm perfil sedutor. As crianças nem sempre percebem serem vítimas e não costumam verbalizar o que sofrem”, alertou. “Nos casos de exploração, o aliciamento acontece por necessidade financeira das famílias, que muitas vezes aceitam ou incentivam o crime.” Os casos suspeitos devem ser comunicados ao Disque Direitos Humanos (Disque 100), à Central de Atendimento à Mulher (Disque 180) ou levados ao conhecimento dos conselhos tutelares. “Temos sempre de ter em mente que a denúncia é um dos caminhos para combater o problema. Não é necessário ter testemunhado o fato: qualquer suspeita de que algo está errado deve ser reportada”, afirmou. Antes de fazer seu pronunciamento, o deputado Edilson Silva (PSOL) parabenizou Simone Santana pela escolha do tema.
17/05/2018 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
0800 880 84034003 8403
Visitas no site:  912
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.