Simone Santana lamenta novo caso de feminicídio no Recife na véspera do Dia das Mães

O assassinato de uma jovem de 18 anos, morta pelo companheiro em um bairro da Zona Norte do Recife, no sábado (12), véspera do Dia das Mães, motivou pronunciamento da deputada Simone Santana (PSB), nesta terça (15). Segundo testemunhas, a vítima era torturada e recebia ameaças frequentes do rapaz, com quem tinha um filho. O feminicídio – assassinato de uma mulher em contexto de discriminação de gênero – teria sido cometido porque a vítima chegou em casa após o horário determinado pelo agressor. “É arrasador ter de voltar tantas vezes a esta tribuna para transmitir relatos como esse, que revelam o quanto o sentimento de posse masculina sobre o corpo das mulheres é marcante em nossa sociedade”, analisou a parlamentar. “Não vejo, porém, como lutar contra essa epidemia sem jogar luz sobre ela.” Simone Santana disse que também acompanha as investigações das circunstâncias em que um outro feminicídio, em Timbaúba, na Mata Norte, foi cometido após a vítima ter buscado ajuda policial e não ter recebido atendimento. O caso aconteceu na semana passada, e a delegacia da cidade, que funciona 24 horas por dia, não contava com policial no momento em que a mulher, que acabaria sendo morta pelo ex-companheiro, buscou ajuda. “É importante que a denúncia de ameaça contra a vida da mulher possa ser realizada e que resulte na prisão em flagrante do autor”, pontuou. A deputada citou ainda que, nessa segunda (14), após uma denúncia, um homem foi preso em Feira Nova, no Agreste, por descumprir medidas protetivas e ameaçar a ex-esposa. “Informações sobre os instrumentos de proteção às mulheres, como o Disque 190, precisam ser apropriadas por toda a população para inibir os homens violentos e munir as pernambucanas de força e coragem.”
15/05/2018 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
0800 880 84034003 8403
Visitas no site:  1160
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.